Alguns dos acusados do assassinato de Décio Sá foram pronunciados pela Justiça do Piauí e vão a júri popular, também por assassinato, no estado vizinho.
A informação é da coluna do Arimatéia Azevedo, do Porta AZ (veja abaixo).
Gláucio Alencar, José de Alencar Miranda, Júnior Bolinha e Jhonatan de Souza Silva – todos respondendo pela morte do jornalista maranhense – são acusados pela polícia e pelo Ministério Público piauienses de terem atuado na morte do agiota Fábio Brasil, em Teresina, em março de 2012 (saiba mais).
Segundo as investigações no Maranhão, foi justamente após noticiar o envolvimento de Gláucio Alencar com o crime no Piauí que Décio acabou sendo alvo do grupo, em abril daquele mesmo ano.
O despacho pela pronúncia a júri popular é do juiz Antônio Noleto.
captura-de-tela-2016-11-27-as-11-06-36

0 comments so far,add yours