O suplente de senador Lobão Filho (PMDB) não comenta abertamente sobre as eleições de 2018, mas tem dito a pessoas mais próximas que não descarta concorrer novamente a um cargo majoritário.
Candidato derrotado em 2014 onde obteve cerca de um milhão de votos, Edinho Lobão conta que não tem projeto de poder. Por isso tem se ausentado das discussões políticas e evita emitir qualquer opinião sobre o governo Flávio Dino.
Só que diante do cenário que se desenha no grupo Sarney, com a ex-governadora Roseana debilitada podendo ser candidata a deputada para ter foro privilegiado e escapar das penalidades da justiça, e Sarney Filho cogitando candidatar-se a governador, Lobinho pode, dentro de um consenso do grupo, disputar uma vaga ao Senado.
Edinho tem declarado, e isso publicamente, que só não se candidatará mais ao governo.
Até pelo fato do governador Flávio Dino ser franco favorito a continuar no Palácio dos Leões. Do blog do John Cutrim

0 comments so far,add yours