Um dos programas de maior nível de satisfação do Governo do Estado, o projeto Travessia foi lançado para atender a Região Tocantina. 

Em solenidade realizada em Imperatriz na noite de sexta-feira (02), e que teve a participação de membros do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência, o governador Flávio Dino assinou o contrato de ampliação do serviço que levará inclusão social para milhares de cadeirantes da região. Na ocasião, ele visitou também a 14ª edição do Salão do Livro de Imperatriz – SALIMP.

Lançado no início de 2015 para atender os municípios da Região Metropolitana de São Luís, o projeto Travessia rapidamente se tornou sucesso e quadruplicou, em pouco tempo, o número de usuários. O resultado satisfatório fez com que o Governo do Estado iniciasse o processo de interiorização dessa política, e a primeira região escolhida foi a Tocantina, onde o projeto vai atender os municípios de Imperatriz, Davinópolis, Senador La Rocque e João Lisboa.

O governador Flávio Dino enfatizou que as pessoas com deficiência têm o mesmo direito à mobilidade urbana que todos os cidadãos, mas possuem maior dificuldade de deslocamento para o trabalho, estudo e lazer. “Por isso, atendendo a quem mais precisa, o Governo do Maranhão criou o programa Travessia, complementando o sistema público de transporte, para que as necessidades de pessoas com deficiência sejam melhor atendidas”, destacou.

O presidente da Agência Estadual de Transporte e Mobilidade Urbana (MOB), Arthur Cabral, fez uma apresentação completa do funcionamento do Travessia aos presentes e realçou que a iniciativa é baseada em três eixos fundamentais: inclusão social, igualdade social e direito a todos. “Dado o grande sucesso em São Luís e as adaptações que fizemos nesse serviço, nós começamos o processo de interiorização do projeto Travessia, assim como nós já tínhamos feito com o Expresso Metropolitano”, disse, anunciando que a MOB já está projetando a expansão para outras regiões do estado.

O presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Oton Rodrigues, comemorou a iniciativa do Governo do Estado em garantir mobilidade e inclusão social para os que mais precisam. “Vai ser de grande valia para as pessoas com deficiência terem o direito de ir e vir. É um grande passo para a história das pessoas com deficiência em Imperatriz”, pontuou.

SALIMP

Ainda durante a visita a Imperatriz, o governador Flávio Dino visitou stands e conversou com a população na 14ª edição do Salão do Livro de Imperatriz – SALIMP. Considerado um dos maiores eventos literários do estado, o Salimp movimenta diariamente milhares de pessoas de toda a Região Tocantina e reúne para divulgação de seus trabalhos, escritores, artistas plásticos, músicos, editoras de todos os estados, visando apresentação e comercialização, além de incentivar as novas gerações a mergulhar no mundo da literatura e da arte.

“Nesta edição, assim como nas outras relativas ao nosso Governo, nós demos todo o apoio para a realização do Salão do Livro, mediante Lei de Incentivo, para que ele se realize. Consideramos que é um espaço de enorme importância para geração de conhecimento, para estímulo a todas as pessoas de todas as idades”, enfatizou o governador.

Este ano, 10 mil de alunos da rede pública municipal e estadual de Imperatriz e região serão beneficiados com vales-livros, no valor de R$20 reais cada, para aquisição de títulos de suas preferências e materiais educacionais, fruto de uma emenda parlamentar do deputado estadual Marco Aurélio. “Eles gratuitamente puderam vir aqui e escolher um título e ter acesso a um direito. A leitura é um direito e essa presença do Governo, com essas iniciativas, visa garantir esse direito para todos. O olhar para eles é muito importante porque significa a formação de leitores para o hoje e para o amanhã”, frisou Flávio Dino.


A iniciativa do deputado Marco Aurélio, com o apoio do Governo do Estado, de elaboração e criação do “Vale-Livro”, teve início ainda na 13ª edição do evento. O sucesso foi tamanho, que o recurso em 2016 dobrou. “Ano passado tivemos a enorme satisfação de poder proporcionar esta alegria para milhares de crianças, dando a elas a oportunidade de adquirir livros e materiais, como forma de incentivo à leitura. Nada mais justo que ampliar e levar essa oportunidade para ainda mais jovens. Este ano foram R$ 200 mil que beneficiarão 10 mil alunos da rede pública de Imperatriz e região, onde alcançaremos alunos do ensino fundamental e médio”, explicou o parlamentar.

0 comments so far,add yours